21 December 2020

João Ferreira quer Sector do Táxi na agenda eleitoral

Eleições Presidenciais
Article Image

O candidato apoiado pelo Partido Comunista Português às Eleições Presidenciais, João Ferreira, visitou a Sede da Federação Portuguesa do Táxi, em Lisboa, nesta Sexta-Feira, 18 de Dezembro, e garantiu que manterá as questões do Táxi na agenda desta campanha eleitoral. No início das atividades da sua candidatura, João Ferreira esteve entre os dirigentes e associados da FPT para ouvir as propostas da Federação para a revitalização do Sector do Táxi e as denúncias sobre a concorrência desleal das TVDE.
Carlos Ramos, presidente da FPT, referiu que as TVDE operaram vários anos ilegalmente, numa “crise económica e social para o Táxi, que chegou muito antes dos efeitos nocivos da pandemia de COVID-19”. Lembrou também algumas das propostas que a Federação tem apresentado para a modernização do Táxi.
Respondendo às intervenções do presidente e dos associados da Federação, João Ferreira afirmou que as denúncias e as propostas do Táxi devem ser trazidas para a agenda pública e para a campanha presidencial, garantindo que a sua candidatura aposta na defesa e no reforço do Sector. “O Presidente da República não pode ser neutro quanto aos problemas que o Táxi atravessa”, sublinhou João Ferreira, assumindo que o Chefe do Estado, como Órgão de Soberania, tem e terá uma palavra a dizer sobre as matérias que afetam o Táxi.
A Federação continua aberta a futuras visitas que os candidatos às eleições presidenciais entendam realizar às suas instalações.

Saiba mais na próxima edição da Revista Táxi.

Voltar à Homepage

Back to Top